quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Eleições 2010

Antigamente, poucas pessoas tinham o privilégio de poder votar. Os votos eram abertos, ou seja, a pessoa teria que anunciar o candidato que iria eleger em publico.
Não existia urna eletrônica, como existe hoje em dia, e justamente por isso, o cidadão era obrigado a votar em candidatos, mesmo não querendo isso. Muitas vezes vendiam seus votos, ou trocavam por alimentos, ou até mesmo por objetos.
Além disso, nem os negros, nem as mulheres tinham o direito de voto, por isso só os homens brancos tinham esse “poder nas mãos”.
Finalmente depois de muito tempo, alcançamos o poder de voto, não só para os homens negros, para as mulheres, mais também para os jovens a partir de dezesseis anos.
Os jovens com menos de dezoito anos e idosos com mais de sessenta e cinco(se eu não me engano), não são obrigados a votar, fica a critério deles essa escolha.
Por isso, depois de todas as lutas que enfrentamos para ter direito de voto, devemos escolher bem nossos candidatos e votar sempre com consciência, afinal é só um dia em cada quatro anos, e se fizermos a escolha certa podemos mudar o rumo do nossos país, e transformá-lo em um país muito melhor. Só assim manteremos a esperança viva, de transformar o mundo em que vivemos, em um lugar aonde todos se respeitem, e vivam sem desigualdades.

terça-feira, 31 de agosto de 2010

Drogas ou coisas do gênero


Esses dias eu estava voltando da escola, era umas 17:40, quando eu estava entrando na rua da minha casa, me deparei com uma cena que me deixou chocada. Eu vi meu primo de dezesseis anos fumando, com uma garota que se mudou á poucos dias pra minha rua.
Fiquei INDGNADA com a cena, de certa forma ele estava fazendo isso para impressioná-la, já que ele nunca foi disso.
Deu vontade de arrancar os cabelos dela, é claro que eu não fiz isso, até por que se não fosse ela, ele podia ter sido influenciado por qualquer outra pessoa.
Isso me fez pensar, que ás vezes esquecemos do mundo em nossa volta, e só paramos para pensar nessas coisas quando acontece com alguém próximo de nós.
Muitas pessoas que estão envolvidas com drogas (sejam elas cigarros, bebidas etc..), começaram com uma simples tragada, e a maior parte dessas pessoas foram influenciados por “amigos”.
Eu resolvi pesquisar um pouco sobre o assunto e é assustador o número de jovens que estão dentro desse “mundo das trevas”, pois depois que se entra é quase impossível de sair.
Alguns dos jovens comentam que começaram a experimentar drogas, por que viam os seus pais fumando, ou simplesmente por que acham legal, divertido, ou ainda por que os amigos fazem o mesmo e não querem ficar por fora.
O caso é que se existisse mais dialogo entre os pais e filhos, esse número poderia ser bem reduzido, se os pais parecem para conversar, para dar conselhos, para dar carinho, ou até mesmo para saber com quem seus filhos estão andando, ou que lugares eles estão freqüentando, já seria muito bom, e com certeza iria diminuir bastante o número de jovens envolvidos com drogas.
Eu particularmente acho uma besteira esse negócio de fumar ou experimentar coisas só para chamar atenção de alguém. Nós não precisamos disso, as pessoas devem se valorizar e gostar de si mesmo, o que vale é o caráter, é o que a pessoa realmente é, e não o que ela faz para impressionar alguém.

domingo, 15 de agosto de 2010

MEME!

Oi gente!!!
Desculpem pela ausência, já faz um tempinho
que eu não posto nada aqui =( !
Mais, finalmente, hoje eu tive um tempinho, e resolvi
postar um selo que a Barbara (do other world) me mandou! Eu gostei muito,muito,muito do selo Báa, obrigada.
É o primeiro selo que eu recebi por isso não sei se eu vou conseguir fazer tudo certinho, mais espero que vocês gostem!

-

Quem sou:


O que me faz sorrir:


O que me faz chorar:


Minha cor:


Hobby:


Sonho:


Melhor Lembrança:


Música:


Esporte:



Um filme:


Um pecado:


Três lembranças fofas de infância


-
Bom gente é isso... Espero que vocês tenham gostado, e espero poder voltar logo pra postar mais alguma coisa.
Eu vou indicar esse selo para cinco meninas, que eu amo ler os posts, e que sempre quando eu posso dou uma passadinha em seus blogs.
São elas:
Carol( do Uma garota, um livro e seus sonhos.) ; Winny Trindade(do Pra quê esse coração tão grande? ); Deebs (do Cupcakes); Letícia Gomes (do Escafandro de Nuvens )e anaa (do Where Rainbows End) .

Um beijo, e tenham um ótimo domingo!

terça-feira, 3 de agosto de 2010

Música


Não é novidade que a maioria das atividades que praticamos ao longo do dia exerce algum tipo de som.
Quando acordamos, por exemplo, o despertador nos faz despertar emitindo um som. Estamos tão acostumados com nossa rotina que as vezes, os sons que ouvimos passam despercebidos. Mais vocês já pararam para pensar como seria sem graça nossas vidas se em nosso dia-a-dia não existisse som algum?
Imagina se os passarinhos não cantassem durante a manhã, ou se o computador não executasse aquela musiquinha de sempre ao ser ligado ou desligado. Seria muito chato!
Foi a partir dos sons que a música foi criada, ela vai dês de uma pessoa ou mais pessoas cantando e de um á vários instrumentos musicais emitindo sons. A música varia muito de estilo podendo ser calma, agitada, lenta, rápida... E o legal é que cada pessoa se identifica com um ou mais estilo de música, e podemos aprender bastante coisas com ela.
Além de ser muito legal de ser ouvida ela pode servir também com distração, para relaxar, ou até mesmo para animar o dia.
Eu particularmente, escuto pelo menos uma música por dia, e não sei o que seria de mim, sem essa distração, mágica e incrível.

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Vai entender?


Cara, as vezes me bate um desespero enorme!
Eu não sei explicar bem o que é, eu acho que é um pouco de receio, ou até mesmo medo... Quando eu fico de “bobeira” sem muita coisa pra fazer eu fico pensando: Que coisa estranha, eu estou aqui hoje, mais e amanhã?
O estranho é que esse medo, não é por causa de mim, é pelas pessoas que eu amo, eu não sei o que eu faria, se acontece alguma coisa á elas. Eu fico meio confusa falando desse assunto, afinal MORTE é uma palavra tão forte, pois mesmo que tenhamos certeza que, quando partirmos também, iremos encontrar as pessoas que já se foram antes que nós, as pessoas que amamos, é muito difícil, eu fico pensando o que eu farei até lá? Como será? Será que eu vou suportar a dor.
Eu não sei se vocês irão entender o que eu quero dizer, é muito confuso, até mesmo pra mim...
Isso pode parecer estranho, mais as vezes quando eu ando pela rua, e encontro um velinho ou uma velinha, eu penso: Nossa, nós todos vamos ficar um dia assim! Ai eu penso: Não sabemos até onde vamos, só Deus sabe, e é por isso que devemos aproveitar a vida sempre, do lado de quem amamos, pois por mais que pareça que o tempo de nossas vidas é longo, ele não é. Ele passa muito rápido, quando agente menos esperar ele já passou. E por mais que busquemos o tempo eterno não conseguiremos alcançá-lo, pois o relógio da vida não para. Pra ninguém.

segunda-feira, 19 de julho de 2010

UHULL !


Férias!
Nada melhor do que a tão sonhada férias, demorou mais chegou. Finalmente.
Oba, agora, vou ter um tempo só pra mim, pra descansar, ver um filme, sair, atualizar meu blog >.<>
Espero que essas férias não seja que nem as outras que passaram voando, espero que essa dure mais, vou aproveitar cada segundo!



Um abraço a todos, e uma ótima semana!!

sexta-feira, 2 de julho de 2010

Amizade verdadeira


Hoje em dia é muito difícil ter amigos, e a cada dia que passa se torna mais difícil ainda. As vezes eu fico me perguntando por que isso está acontecendo, por que não podemos mais contar com as pessoas, confiar nelas de verdade...

Alguns desses amigos verdadeiros ainda existem, porém, são poucos, e raros de encontrar, eles não são aqueles que dizem serem seus amigos, pois apenas dizer, é muito fácil, não são aqueles que contam ou procuram você apenas quando precisam. Os amigos que eu falo, são aqueles que você pode contar, aqueles que nunca te abandonaram, que mesmo estando longe tentam manter contato, e fazem de tudo para estar perto de você, são aqueles que fazem você se sentir bem, e que você realmente se sente bem estando perto deles, os amigos que eu falo não são aqueles que te excluem ou te ignoram porque você não curti as mesmas coisas que eles, e sim aqueles que tentam se adaptar ou aprender a gostar das mesmas coisas que você, aquele que vai te amar sempre do jeito que você é, independente de sua raça, de seus defeitos, de sua cor, ou de seu estilo. São aqueles que não são simplismente amigos, e que não existe nem uma expressão própria ou um nome que possa explicar quão importante ele é pra você. São anjos sem asas que procuraram sempre te ajudar e te guiar para que você faça a coisa certa.






Texto dedicado á Ítala Sabrina Fernandes Freire, obrigada por fazer parte da minha vida, e por tornar cada minutinho dela mais feliz.

Eu te amo.